Annabelle 2 é overdose de terror

annabelle 2

Depois do assustador Invocação do Mal (The Conjuring), de 2013, confesso que esperei mais do spin off Annabelle. Lançado em 2014, o filme deixou muito a desejar comparando-o com a produção do qual derivou. Porém, para júbilo dos fãs de terror, Annabelle 2: A Criação do Mal coloca a boneca endemoniada na galeria das figuras tenebrosas do cinema.

Desta vez, os produtores Peter Safran e James Wan confiaram a direção ao sueco David F. Sandberg, o mesmo do tenebroso Quando as Luzes se Apagam (Lights Out). A escolha de colocá-lo no posto anteriormente ocupado por Gary Dauberman surtiu efeito. Dauberman ficou encarregado do roteiro e acertou. Em quase duas horas, Annabelle 2 causa  um arrepio atrás do outro. Ao contrário do famoso Chucky, o Boneco Assassino, bastante caricato,  aqui a bonequinha dificilmente atrairá algum riso cômico ou de simpatia.

O princípio

O enredo mostra a origem da maldição que envolve Annabelle. Um grupo de meninas órfãs, acompanhadas de sua tutora, uma jovem freira (vivida pela atriz mexicana-americana Stephanie Sigman), encontra um lar em um velho casarão. Os donos da propriedade, os Mullins, interpretados pelos australianos Anthony La Paglia e Miranda Otto, são um casal amargurado pela perda da filha em um acidente trágico. Debilitada, a esposa não sai da cama e deixa as tarefas a cargo do marido, responsável por acolher as garotas e a religiosa.

Depois que uma das órfãs, Janice (Talitha Bateman), entra no quarto que pertenceu à filha dos Mullins e encontra uma boneca em um armário, o horror começa. A maratona de fenômenos sobrenaturais vai deixar aqueles espectadores mais sensíveis se perguntando quanto falta para o filme acabar. O medo certamente os acompanhará até o fim.

É certo que os efeitos especiais dão uma relevante ajuda para obtenção dos resultados assombrados de Annabelle 2, mas, como as boas obras do gênero, também se sustenta na qualidade da história, na direção frenética e na interpretação dos atores, com belo destaque para Talitha Bateman, que apesar de aparentar ser uma miúda já conta quase 17 anos.

Ao saírem das salas de exibição, provavelmente os que se impressionam fácil não irão olhar com a mesma naturalidade para certos tipos de bonecas. Que tal colocar uma Annabelle ao lado da sua cama?

 

Anúncios

Um pensamento sobre “Annabelle 2 é overdose de terror

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s