Filme de terror inova ao abordar racismo

Imagem: divulgação

get out

Marcelo Araújo

Um dos melhores filmes de terror da atual safra é Corra! (Get Out), dirigido, produzido e escrito por Jordan Peele e que estreia aqui no Brasil na próxima quinta-feira (18). Com enredo bem original, a produção também se destaca por tratar do tema racismo.

Corra! conta a história de Chris, interpretado pelo britânico Daniel Kaluuya, um jovem negro que namora uma moça branca, Rose, vivida por Allison Williams. Chris e Rose viajam para conhecer a família dela, em uma pequena cidade do interior americano.

Os pais da jovem, Dean (Bradley Whitford) e Missy (Catherine Keener), tratam o rapaz com enorme receptividade. Isso não impede que ele perceba certos fatos, como a presença de  empregados negros que agem como autômatos, situação pouco condizente com a atmosfera liberal que se tenta transmitir.  Destaque-se a atitude irônica do irmão de Rose, Jeremy, personificado por Caleb Landry Jones, especialista na atuação em papéis perturbadores.

Após a sogra, que é psiquiatra, submetê-lo a uma sessão de hipnose, o moço começa a notar que, na verdade, se encontra em um ambiente não tão hospitaleiro. A desconfiança cresce após uma festa com pessoas de comportamento estranho, tentando demonstrar de forma exagerada que não possuem preconceito racial.

Não dá para detalhar a trama para não dar spoiler. Podemos adiantar que não se trata de outra narrativa tradicional de fantasmas ou exorcismo em uma velha propriedade rural dos Estados Unidos. Mais do que provocar sustos, o diretor Jordan Peele mexe com o espectador ao abordar o racismo dissimulado, muitas vezes tão agressivo quanto o explícito.

Bela estreia de Jordan Peele na direção de longas-metragens, Corra! chamou bastante a atenção lá fora. Certamente, o público brasileiro que aprecia o gênero do horror vai gostar dessa película, que consegue ser assustadora sem cair em lugares comuns.

 

Marcelo Araújo é autor dos livros Não Abra – Contos de Terror, Pedaço Malpassado, A Maldição de Fio Vilela, A Testinha de Gabá e Casa dos Sons. Também publicou textos em na revista Bacanal Volume 2 e no fanzine Lobotomia.

 

Assista ao trailer de Corra!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s